Ingressos Como apoiar

MÚSICA

ORUÃ: PASSE

ORUÃ: PASSE

07.03.23, terça às 20h

Passe é o novo álbum do ORUÃ, sendo registrado no momento onde a banda se encontra morando na estrada entre uma tour e outra tanto no Brasil quanto fora dele, dezenas de gravações foram lapidadas e todo o material ao vivo perpetua o Passe de maneira serena e arrojada. O Centro da Terra vai receber a estreia do show, que vai percorrer os Estados Unidos e a Europa entre março e julho de 2023. Sendo assim a despedida do Oruã no Brasil por agora.


“Filho do Centro do Rio de Janeiro, nasceu à noite e frequenta os bailes pela madrugada. Free jazz de pobre. Kraut de vagabundo. Sem neurose.” Faz barulho na Baixada Fluminense, Europa e Estados Unidos, não viaja a turismo e nunca fez intercâmbio. Devido a questões estruturais que há séculos oprimem negros e proletários, o ORUÃ está sempre trilhando estradas íngremes, onde as adversidades, mais do que tema para suas músicas, constituem a força motriz de uma viagem para fora da curva.


Lê Almeida - guitarra e voz

Bigú Medine - baixo e voz

João Casaes - synth

Karin Santa Rosa - bateria


Isa Georgetti produção 

Ana Zupano - produção

Otto Dardene - produção

Danilo Sansão - projeção 

Davi Paulino - merch

MÚSICA

BNEGRON CONVIDA: FREELION 22.07.24, segunda às 20h

BNEGRON CONVIDA: FREELION

MÚSICA

ONIRA: SONHAR A TEMPESTADE 23.07.24, terça às 20h

ONIRA: SONHAR A TEMPESTADE

CINEMA

A FLOR DO BURITI 24.07.24, quarta às 18h e 20h15

A FLOR DO BURITI

DANÇA

LETÍCIA SCALISE: VOCÊ AINDA QUER LUTAR COMIGO? 25 e 26.07.24, quinta e sexta às 20h

LETÍCIA SCALISE: VOCÊ AINDA QUER LUTAR COMIGO?

MÚSICA

BNEGRON CONVIDA: DABLIUEME 29.07.24, segunda às 20h

BNEGRON CONVIDA: DABLIUEME

MÚSICA

MÚSICA DE MONTAGEM: O GRITO DO ESCURO 30.07.24, terça às 20h

MÚSICA DE MONTAGEM: O GRITO DO ESCURO

CINEMA

AS LINHAS DA MINHA MÃO 31.07.24, quarta às 18h e 20h

AS LINHAS DA MINHA MÃO

CINEMA

O ESTRANHO 07.08.24, quarta às 18h e 20h

O ESTRANHO

DANÇA

CLARISSA BRAGA: MÃEPARIDA 08, 09, 15 e 16.08.24, quintas e sextas às 20h

CLARISSA BRAGA: MÃEPARIDA