Ingressos Como apoiar

INFANTIL

Lendas da Natureza

01 e 08.10.17: domingo às 11h

Este espetáculo estreou em 2006 no Teatro Brasileiro e Comédia. 10 anos depois, revisitamos nossa proposta. O novo olhar sobre a montagem trouxe mais uma história e limpou os adereços. Retiramos os elementos figurativos e apostamos numa narrativa mais mítica. Um mergulho na floresta Amazônica, contando mitos indígenas que falam das forças da natureza, num clima de magia e mistério. O espectador é envolvido numa narrativa ágil, pontuada por uma trilha sonora elaborada. A encenação é feita com poucos adereços feitos com elementos naturais: chocalhos de povos indígenas, pau de chuva, galhos, tecidos. A força das histórias está na palavra.

Ana Luísa Lacombe é atriz desde 1981, e vem dedicando-se à arte de contar histórias nos últimos 15 anos. Esta trajetória já lhe rendeu vários prêmios e o reconhecimento do público e da crítica especializada.

Ficha Técnica:

SELEÇÃO E ADAPTAÇÃO DOS MITOS INDÍGENAS: Ana Luísa Lacombe
DIREÇÃO E TEXTO FINAL: Simone Boer com Ana Luísa Lacombe
TRILHA E DIREÇÃO MUSICAL: Sérvulo Augusto
MÚSICA DA CHUVA: Gustavo Kurlat
ILUMINAÇÃO: Alexandre Zullu
FOTOS: Thiago Cardinalli
PRODUÇÃO EXECUTIVA: Fátima Rocha
REALIZAÇÃO: Faz e Conta

MÚSICA

BNEGRON CONVIDA: FREELION 22.07.24, segunda às 20h

BNEGRON CONVIDA: FREELION

MÚSICA

ONIRA: SONHAR A TEMPESTADE 23.07.24, terça às 20h

ONIRA: SONHAR A TEMPESTADE

CINEMA

A FLOR DO BURITI 24.07.24, quarta às 18h e 20h15

A FLOR DO BURITI

DANÇA

LETÍCIA SCALISE: VOCÊ AINDA QUER LUTAR COMIGO? 25 e 26.07.24, quinta e sexta às 20h

LETÍCIA SCALISE: VOCÊ AINDA QUER LUTAR COMIGO?

MÚSICA

BNEGRON CONVIDA: DABLIUEME 29.07.24, segunda às 20h

BNEGRON CONVIDA: DABLIUEME

MÚSICA

MÚSICA DE MONTAGEM: O GRITO DO ESCURO 30.07.24, terça às 20h

MÚSICA DE MONTAGEM: O GRITO DO ESCURO

CINEMA

AS LINHAS DA MINHA MÃO 31.07.24, quarta às 18h e 20h

AS LINHAS DA MINHA MÃO

CINEMA

O ESTRANHO 07.08.24, quarta às 18h e 20h

O ESTRANHO

DANÇA

CLARISSA BRAGA: MÃEPARIDA 08, 09, 15 e 16.08.24, quintas e sextas às 20h

CLARISSA BRAGA: MÃEPARIDA